O que fazer em Cartagena, na Colômbia

postado em: América Latina, Colômbia | 3
Cartagena
Castillo San Felipe de Barajas

Cartagena, na Colômbia, é um cidade charmosa que encanta pela arquitetura e pelos restaurantes maravilhosos. Três dias inteiros são suficientes para conhecer tudo. Se estiver com tempo e quiser visitar também as praias, fique quatro ou cinco.

Recomendo ir antes a San Andrés e se hospedar por lá durante três ou quatro dias (uma hora e meia de voo entre as duas cidades, aproximadamente). As ilhas são lindíssimas. Se fizer isso, não invista nos passeios de barco às praias de Cartagena. Os tours são caros e dizem que a paisagem não compensa. De qualquer forma, deixo aqui os nomes dos locais para quem se interessar. Bocagrande e El Laguito se localizam na área urbana e geralmente ficam bem cheias. Dá para chegar de ônibus ou táxi. Já a ilha Rosário e a Playa Blanca são mais distantes, acessadas pelo mar. Os próprios hotéis recomendam agências de turismo que fecham pacotes (alimentação + transporte).

Escolhi o hotel San Lazaro e conto tudo no post sobre hospedagem na Colômbia. Ele fica localizado em frente ao Castillo San Felipe de Barajas. É a melhor atração de Caetagena, que não tem tantos pontos turísticos bombantes. Rola entrar em vários túneis, descobrir a história do castelo e também apreciar uma bela vista. Há ainda uma lojinha de souvenir interessante. Reserve pelo menos duas horas para o passeio.

Cartagena
Castillo San Felipe de Barajas
Cartagena
Castillo San Felipe de Barajas
cartagena
Vista do hotel para o castelo

O castelo fica fora da cidade murada, que, por sinal, é uma graça. Lembra Paraty e Búzios (RJ), mas com o toque especial das muralhas. Há, porém, uma parte bem feia, onde se encontra a famosa casa noturna Cafe Havana. Fuja dali. A boa é focar na Praça Santo Domingo e nos arredores, onde funcionam várias lojinhas, além de bares e restaurantes. Ah, lá também é possível ver a conhecida escultura em bronze da gorda de Fernando Botero.

Cartagena
Cidade murada
Cartagena
Cidade murada
Cartagena
Cidade murada

Outro ponto bastante procurado em Cartagena é o centro comercial Las Bóvedas, próximo à Praça Santo Domingo, ideal para comprar souvenir a preços mais baixos. Tem artesanato, roupa, bolsa (como esta aí da foto acima), sapato… É bom fazer uma pesquisa ampla e pedir descontos. Ali perto está também a Torre do Relógio, mais uma atração turística. Durante as caminhadas pela cidade, aliás, você verá prédios antigos, casas fofas e igrejas. Explore cada pedacinho sem pressa.

Abaixo, listo os melhores bares e restaurantes:

Café Havana: Achei o local interessante, com uma decoração bacana. Fui numa quarta-feira, em que o valor da entrada é revertido em consumação, algo bastante vantajoso. É uma ótima opção para conhecer a música local, mas, se estiver com a grana curta, pule.
Cuzco: Que restaurante espetacular! Tem três ambientes diferentes e música ao vivo. A comida é simplesmente incrível. Pedi o prato Roquefort, que é um arroz no estilo risoto, com queijos, bacon e camarões. Muito bem servido. Meu namorado optou por medalhões com purê de batatas e adorou. Para beber, limonada de coco, saborosa e refrescante. O custo é alto, mas vale muito a pena. Foi minha melhor refeição em Cartagena.
El Burlador de Sevilla: Maravilhoso também. Para começar, peça sangria e uma entradinha (indico as linguiças fritas). Para o prato principal, paella ou frango recheado com presunto parma e queijo, batata chips e arroz cremoso de limão. Ambos são divinos. A casa oferece ainda um show de flamenco (não precisa pagar couvert artístico) com uma cantora muito talentosa. Mais uma vez, preço salgado. Se for na alta temporada, melhor reservar uma mesa com antecedência.
cartagena
Frango com arroz de limão e batatas no El Burlador de Sevilla
cartagena
Show de Flamenco no El Burlador de Sevilla
Donde Fidel: Donde Fidel fica num ponto bastante movimentado, a poucos metros da Torre do Relógio. É um ótimo lugar para beber, pois as cervejas nacionais custam 5.000 COP (em outros bares o preço varia de 7.000 a 10.000). Além disso, o atendimento é bastante ágil. Vale lembrar que não aceitam cartões, apenas dinheiro. Outro com a mesma proposta é o Conde de La Cruz, perto da estátua da gorda. Porém, um pouco mais caro.
Cevicheria Trattoria Donde Wippy: Pequeno, mas muito aconchegante. Os garçons são bastante educados e atenciosos. Comi uma massa saborosíssima, bem fresca, com molho de tomate, linguiça e bacon. Os preços não são altos.
Bourbon Street: Gostei bastante da proposta do pub, que se evidencia em sua decoração. O cardápio é interessante, com opções de combos bem satisfatórias. Pedi um com palitos de mussarela empanados, asas e coxas de frango empanadas, batatas fritas e anéis de cebola. Saboroso.
Cafe del mar: Perfeito para apreciar um belíssimo por do sol provando bons drinques. O ambiente me agradou, mas vale ressaltar que o atendimento é meio lento e as bebidas, embora saborosas, muito caras. A long neck da cerveja Club Colombia, muito popular no país (assim como a Águila), custa 10.000 COP, sendo que o preço geralmente varia de 5 a 9. Os drinques saem por mais de 20.000.
*Viagem realizada em março de 2016

LEIA TAMBÉM:

Onde se hospedar na Colômbia?

Cayo Cangrejo, paraíso na Colômbia

Veja as principais atrações de San Andrés

cartagena
Café del Mar
cartagena
Café del Mar
cartagena
Café del Mar
Leia mais: Cayo Cangrejo, um paraíso na Colômbia.

3 Respostas

  1. […] Cartagena, na Colômbia – O Café del Mar, em Cartagena, é bem disputado por aqueles que querem ver o dia indo embora. Também é necessário chegar cedo para garantir uma boa mesa. Leia o post para saber mais. […]

  2. […] é o suficiente. Para não desperdiçar a ida ao país, recomendo visitar também Providencia e Cartagena. Comprei uma passagem na Copa Airlines usando o sistema de múltiplos destinos. Saiu por cerca de […]

Deixe uma resposta