Confira 10 fotos de Lumiar (RJ) e o roteiro completo para um fim de semana

postado em: Brasil, Rio de Janeiro | 2

lumiar11A Região Serrana do Rio de Janeiro reúne excelentes opções para um passeio no fim de semana. Uma delas é Lumiar, distrito de Nova Friburgo, a cerca de duas horas e meia da capital. Sempre tive a impressão de que o lugar era caidinho, mas me surpreendi.

Me hospedei no Sítio Flor das Águas e recomendo muito. A pousada é rodeada pela Mata Atlântica, um lindo cenário. Fiquei num dos chalés, com frigobar, TV por assinatura, lareira e banheira, além de uma varandinha fofa. Bem confortável.

A cozinha fica aberta o tempo inteiro. Então, é possível cozinhar e guardar alimentos na geladeira, se quiser economizar. Eles ainda disponibilizam, de graça, água potável da mina. O café da manhã é ok: pão, queijo, presunto, ovos mexidos, bolo, biscoitos, sucos etc. À tarde, tem lanche com bolo e café.

O grande problema é o sinal de celular. O estabelecimento oferece wifi, mas ele oscila muito. Além disso, o preço salgado: cada diária saiu a R$ 290, já com 10% de desconto, porque a reserva era para dois dias.

VEJA MAIS OPÇÕES DE HOSPEDAGEM EM LUMIAR

lumiar8

lumiar9
Vista da pousada

lumiar13

Porém, resolvi investir a grana porque o local tem um grande diferencial. Rola sair do quarto e já cair na cachoeira: a pousada se localiza às margens do Encontro dos Rios, um dos pontos mais procurados de Lumiar (foto ao lado).

lumiar12
Encontro dos Rios

lumiar5lumiar4

Além disso, dentro do próprio sítio, encontra-se a Trilha das Águas. Ela pode ser acessada a partir do Encontro dos Rios, no caso daqueles que não estiverem hospedados lá. Não sei se é necessário pagar pela entrada. A primeira parada é o Poço Mãe D’Água, lindíssimo e ideal para relaxar. Depois, vêm o Banho de Oxum e uma queda d’água. Esses dois são um pouco menos interessantes porque têm descida íngreme e espaço reduzido para banho.

lumiar10
Poço Mãe D’Água
lumiar6
Poço Mãe D’Água
lumiar2
Trilha das Águas

Dá para fazer tudo isso num sábado e ainda conhecer outras cachoeiras de Lumiar, como a Indiana Jones. Os aventureiros também podem praticar rafting na região. Vale lembrar que a pousada fica a uns cinco minutos de carro do centro, então, é melhor ter um veículo disponível.

Aproveitei para visitar São Pedro da Serra, que se localiza a, aproximadamente, 15 minutos de distância do sítio. Também é uma graça. Comi nos restaurantes Pizzaria Girassol (comida sem grandes atrativos, talvez a pizza com massa de aipim se destaque) e Dalí (risoto de cogumelos é delicioso e serve bem duas pessoas). Há outras opções de cachoeiras lá.

Voltando a Lumiar, recomendo o bar Ranz Bier, que tem ambiente agradável e cervejas artesanais excelentes, além de uma lojinha de souvenir. Pena que fecha cedo, às 21h. Provei a tal pizza de aipim no Perrone’s e achei bem sem graça. Os restaurantes se concentram na única praça de lá. Quem quer um local animado, com música ao vivo, pode ir ao Bar do Vovô, que só encerra os trabalhos lá pelas 3h.

2 Respostas

  1. VALERIA APOLINARIO

    QUE LINDO VOU COMPARTILHAR NA MINHA PAGINA

  2. […] Conheça Lumiar, na Região Serrana do Rio […]

Deixe uma resposta