Tudo sobre a trilha da Lion’s Head, na Cidade do Cabo, na África do Sul

Lion's Head
Lion’s Head

Além da Table Mountain e da Signal Hill, a Lion’s Head é outro um pico fantástico para quem quer ter uma bela vista da Cidade do Cabo, na África do Sul. São 669 metros de altitude.

Como chegar:

A trilha começa bem perto da subida para a Signal Hill. Basta seguir pela Kloof Nek Road ou pela Kloof Road, já que ambas levarão à Signal Hill Road. Se for pela primeira, você terá que virar à direita. Caso opte pela segunda, vire à esquerda. Quem usar carro pode estacionar perto do início da trilha sem pagar. Porém, sempre surge um flanelinha pedindo dinheiro. Fica a seu critério, portanto.

Eu me hospedei no Atlantic Point, um hostel incrível. Clique para ler o post e veja como vale a pena. De lá, dá para pegar o ônibus 109 (Hout Bay) na parada Upper Porstwood, na Main Road. Desça no primeiro ponto da Adderley Street e pegue outro ônibus, o 107, até a Kloof Nek. Fiz tudo de carro e achei bem prático. Vi poucos transportes públicos e não sei se o sistema é muito eficiente. No hostel, rolam vários passeios em grupo também. Então, se você estiver sem veículo próprio, talvez seja melhor escolher uma excursão.

Lion's Head
Início da trilha da Lion’s Head

A trilha da Lion’s Head:

Em primeiro lugar, a notícia boa: não é cobrada entrada. O trajeto começa com uma subida íngreme em chão de terra e, logo em seguida, surgem vários degraus. Há alguns banquinhos no início para sentar e, assim, descansar. Após essa parte, vai ficando mais complicado. Quem tem medo de altura pode acabar se sentindo bastante desmotivado devido a trechos estreitos, sem qualquer proteção.

Em certo momento, há uma escada de metal. A partir deste ponto tem início a trilha para a Wally’s Cave, muito famosa e lindíssima. Resolvi não encarar porque é um caminho alternativo e sem muita sinalização. Me parece que só é possível chegar seguindo informações encontradas em blogs na internet.

Depois de subir a escada de metal, vem a parte trabalhosa e cansativa: muitas pedras para escalar. Ainda assim, não é uma escalada tensa, não. Nada de equipamentos. Mas requer um mínimo de habilidade rs.

Vale lembrar que não há sombras. Então, leve água e use roupas leves. O trajeto de ida pode ser feito em cerca de uma hora, uma hora e meia, dependendo do preparo físico.

Enquanto estiver caminhando, aprecie muito a paisagem e abuse das fotos. Não existe um só pedacinho que não mereça a sua atenção. Procure ir cedo porque, dessa forma, não enfrentará aquele sol forte da tarde. Tem uma galera que vai no final do dia para assistir ao pôr do sol. Só recomendo se você for rápido na volta, pois acho meio arriscado descer tudo no escuro, usando lanternas.

Lá em cima, o visitante chega a perder o fôlego com tanta beleza, sobretudo por ser possível ter uma boa dimensão do tamanho da cidade. Além disso, a vista para a Table Mountain e as praias é imperdível. Em conclusão: uma boa recompensa para o esforço.

Lion's Head
Lion’s Head
Lion's Head
Lion’s Head
Lion's Head
Lion’s Head

LEIA MAIS:

Como visitar a Table Mountain, na Cidade do Cabo

Assista ao pôr do sol na Signal Hill, na Cidade do Cabo

Franschhoek Wine Tram: passeio de trem por vinícolas da África do Sul

Passeio de balão na África do Sul

4 Respostas

  1. Meu sonho é conhecer a África, desde pequenininha! Adorei essa trilha que vocês fizeram.

  2. Aposto que o pôr-do-sol lá do alto é magnífico, mas também não arriscaria descer a montanha no escuro. Ainda por cima se há trechos estreitos sem proteção. Lindo post

  3. O visual justifica o esforço. Lindas fotos!!! Confesso que sempre fico um pouco tensa com trilhas que precisam escalar. Mas acho que encarava essa aí rsrs

  4. Que lindo! Eu estive lá agora em janeiro mas não fizemos a trilha, havia 6 crianças em nosso grupo, resolvemos não arriscar. Só subimos a table mountain (pelo teleférico) e a signal hill (de carro). Eita cidade linda,né?

Deixe uma resposta